Pop & Art

Elke Maravilha grava série da HBO ao lado de drag e transexuais


Elke Maravilha e Núbia Pinheiro; Paty Bionda nas gravações de Destino

Ícone da comunidade LGBT, Elke Maravilha gravou nessa segunda-feira [3] a série Destino, da HBO, ao lado das transexuais Keyla Muniz, Paty Bionda e da drag Núbia Pinheiro. A obra do canal da TV a cabo conta a história dos imigrantes no Rio de Janeiro e investiu em atores amadores e iniciantes.

Nos bastidores, Elke surpreendeu. Acostumada a aparecer com figurinos coloridos e espalhafatosos, a artista esteve de cara lavada [somente com um batom vermelho] para dar vida à Nina, uma russa. Assim como na vida real, a personagem tem boa relação com a diversidade sexual e de gênero e baterá altos papos com o grupo.

“Minha personagem na série se chama Samantha”, diz a atriz trans Paty Bionda com exclusividade ao NLucon. “Serei uma das ‘amigas de chá’ de Nina, que abre a sua casa para nos reunirmos e colocar todos os papos em dia. Conversamos sobre tudo!”, revela a loira, que diz estar feliz com a oportunidade.

Sobre os bastidores da gravação, Paty revela que Elke é uma verdadeira diva e que as recebeu maravilhosamente bem e até distribuiu beijinhos no set de gravação, que ocorreu na Urca, Zona Sul do Rio. Com clima descontraído, elas foram dirigidas por César Charlone, diretor premiado pela fotografia do filme Cidade de Deus.

Destino será lançada no segundo semestre de 2013. 

Série vai abordar os imigrantes que foram ao Rio de Janeiro
César Charlone orienta trans para a cena com Elke Maravilha
Keyla Muniz, Núbia, Paty e Augusta Morena

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.