Pride

Vrááá! Alvo de haters racistas, casal gay oficializa união e lacra pelo amor






Por Neto Lucon

Depois de dois anos de namoro, o diretor criativo Naparuj Mond Kaendi e o engenheiro Trosten Middlhof se casaram na Alemanha. Nada seria diferente de nenhuma outra história se em abril deste ano eles não tivessem sido alvos de vários ataques preconceituosos (envolvendo racismo) na rede – até mesmo da comunidade LGBT brasileira.

+"Ser trans faz diferença, sim, eu meu relacionamento"


Após uma foto deles juntinhos no metrô cair na rede os dois foram atacados. Na época, os comentários questionavam como Naparujo – visto como um “tailandês” “feio” - teria conseguido ficar com um “alemão” “lindo”. Duvidaram da relação, debocharam da beleza, dos interesses, da conta bancária e até soltaram se ele teria feito algum tipo de feitiçaria para conseguir tão belo pretendente.

“Deve ser podre de rica e estar beirando à morte”, escreveu um. “Cansado desses comentários de autoajuda para as pessoas feias acreditarem no amor”, debochou outro. “A bicha é podre, fedida e horrorosa. O boy é loiro, lindo e maravilhoso. Desde quando isso é preconceito? Hipocrisia on”, continuou um terceiro.

A repercussão na rede foi tão grande que o Tumblr Black for Black – sobre a comunidade negra LGBT – denunciou que os comentários são originados do pensamento coletivo que só é belo aquilo que vem do ocidente e da população branca. “Pessoas brancas (em sua maioria, homens cis sarados) são postas como prêmios, são endeusados pela comunidade como sonho de matrimônio e tal. Ainda é um choque tão grande ver os ‘deuses gregos’ com pessoas não brancas... Elas são tão ‘especiais’ que ninguém não-branco pode ficar/tocar/namorar. E quando namora, é lido como algo anormal, magia negra, macumba...”.

Mas o que era simples preconceito racial, também acabou provando se tratar apenas de mais uma linda história de amor - e que o único problema era a distância. Naparuj e Thorten são namorados há dois anos e cinco meses, e viviam na ponte aérea para poderem se ver e viver o romance.

O casal se conheceu durante o estágio de pesquisa do alemão na Tailândia, no Asian Institute of Technology. Ele é engenheiro, formado em Gestão de Resíduos e trabalha no setor de Vendas de uma fabricante de equipamentos industriais, enquanto Naparuj é diretor criativo de uma agência de modelos. Nas imagens, feitas quando eles conseguem se encontrar, é possível ver a relação íntima e de carinho entre os dois.

Após os ataques, Naparuj escreveu em seu Instagram: "Obrigado a todos vocês pela ajuda e por toda a positividade. Para ser honesto, eu não estava tão surpreso quando pessoas do nada foram falar comigo ontem à noite e mostraram para a gente todas as nossas fotos que foram postadas a tarde inteira. Isso já tinha acontecido antes, exatamente um ano atrás, e todos os comentários desagradáveis me deixaram em lágrimas e cheio de preocupações. Este ano, porém, Thorsten e eu inesperadamente estamos nos sentindo tão agradecidos e cercado por essa onda de enorme apoio. Nós nunca quisemos estar sob os holofotes, mas muito obrigado, de qualquer forma."

Já Thorten publicou uma ilustração do casal referente à foto que viralizou e, apaixonado, escreveu: "Obrigado pelos momentos maravilhosos que tivemos nesta viagem. Por favor, cuide-se e fique bem logo. Eu te amo e estou ansioso para começar o próximo capítulo de nossas vidas juntos."

Parabéns ao casal!



About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

1 comentários:

Daniel Souza disse...

Gay é um bicho invejoso e que não quer ver o outro feliz. Isso é recalque de bicha feia que só deve pegar tranqueira. Toda a felicidade do mundo pra esse casal. E as bichas recalcadas que se fodam.

Tecnologia do Blogger.