Pop e Art

Glória Perez estuda abordar questão trans e trazer Thammy no elenco masculino

Patricia Araújo, Thammy Miranda e Maria Clara Spinelli: destaque trans em Salve Jorge


.
A autora Glória Perez deve contribuir com a visibilidade trans em sua próxima novela, que está prevista para outubro de 2016. Atualmente ela faz uma sigilosa pesquisa e entrevistas com várias travestis e mulheres transexuais. Além de cogitar incluir no elenco pela segunda vez o ator Thammy Miranda, um homem trans.

+ Cantor Erick Barbi grava clipe com primeiro protagonista homem trans


"Ele é um excelente ator. Não posso dizer nada de elenco ainda, porque estou na fase de fechar sinopse com a Globo, ainda estou bem longe de escolher os atores, nem imagino quem estará na novela, mas nada é descartado", declarou recentemente. 

A escritora ainda disse que, caso Thammy seja escalado, vai respeitar a sua identidade de gênero. "Ele tem que entrar no elenco masculino. É um homem. Não interessa se é transgênero ou não. Isso sequer precisa ser citado na novela dependendo do ator. Não acredito que isso possa atrapalhar Thammy em nenhum papel. Ele é homem e pronto".

Sobre a pesquisa que sua equipe está fazendo com mulheres transexuais e travestis, Glória está estudando a fundo a questão para abordar de maneira fiel e respeitosa o grupo. Ou seja, a expectativa é de um trabalho bem feito e exemplar para outros autores. 

Vale lembrar que em "Salve Jorge", de 2013, ela trouxe no elenco as atrizes Maria Clara Spinelli, que é uma mulher transexual, e Patricia Araújo, uma travesti, que viveram algumas das traficadas. A autora também foi a primeira a apostar em Thammy como ator de novelas. 

É aguardar...

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.