Pop e Art

Saiba quem são as (e os) 50 mais sexy de 2015, segundo o NLUCON



Por Neto Lucon

Antes de mais nada, não leve tão a sério nenhuma lista, premiação ou homenagem. Há uma boa chance de elas cometerem grandes erros, gafes e injustiças. Porém, elas acabam sendo uma boa oportunidade para divulgar nomes, trabalhos e falar sobre assuntos que queremos. Esta lista dos mais sexy de 2015, por exemplo, surge como uma resposta a todas as outras similares que a mídia tradicional está acostumada.

A ideia surgiu em 2013, quando visualizamos várias listas e perguntamos: O que é ser sensual? E destacamos que, para grande parte das publicações, a resposta estaria envolvida com glúteos na nunca, barrigas trincadas (ou negativa) e popularidade.  Atributos que até fazem bem aos olhos de quem os valoriza, mas que talvez se, combinados com outros, ou apostando em diversidade, poderia contemplar melhor o sentido da palavra. 

Afinal, o mundo não precisa ser apenas branco, cis e heteronormativo – e todas as pessoas que fogem ao padrão imposto não precisam estar realocados em espaços por mera cota ou receio de apontamento. Para nós, sensualidade tem relação com atitude, autoestima, discurso, experiência, criatividade, coragem, inteligência, pioneirismo, militância, bom senso. E, sem esquecer, boas doses de diversidade – sim, leia-se beleza física e sex appeal diversos.

A lista foi elaborada com a ajuda de cerca de 100 leitores assíduos da página, que disseram nomes e justificaram por meio do Facebook. A maioria é gente conhecida – apesar de nem todos os nomes ser conhecido da grande mídia – por uma questão legal de uso de imagem. Se houver alguns erros na abordagem, avise-nos. Como dissemos, não temos a pretensão de ser donos da verdade, mas de levantar a discussão e apresentar nomes de pessoas maras, inspiradoras e sensuais. Confira:

1- Adele, cantora, 27 anos


Após se dedicar à vida pessoal, a artista cis teve um retorno triunfal com o álbum “25” e esteve deslumbrante no clipe – que já virou hit – Hello. Ela diz que o público identifica com o seu trabalho porque ela não tem medo de mostrar que às vezes “está na pior”. Quer dizer, ela é a artista com menos de 30 anos mais rica do Reino Unido, teve o nome mais buscado no Google neste ano e vendeu agora mais de 3 milhões de cópias E ainda destila esse olhar...


2- Alex Minsky, modelo


Notícia mundial ao iniciar a carreira de modelo, após trabalhar como fuzileiro naval e perder uma perna ao ser atingido por uma bomba, o gato cis segue conquistando corações e quebrando preconceitos. Ele soma quase 200k de seguidores no Instagram, é queridinho de fotógrafos como Tom Culis, posa para campanhas de cueca... E agora acaba de ganhar o seu primeiro calendário de 2016. Mega sexy, evidentemente.


3- Viviany Beleboni, modelo e atriz, 27 anos


A bela travesti gaúcha roubou a cena da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo neste ano. Mas não pelas fantasias bem elaboradas que costumava usar. Desta vez, após o assassinato de uma amiga trans, Viviany decidiu se crucificar em cima do trio da ong ABCDS. Queria falar sobre os vários assassinatos que ocorrem cotidianamente por transfobia, mas que não contam com nenhuma lei que criminaliza. A ira de conservadores mostrou o preconceito, mas Vivi levantou a discussão e promete mais.


4- Viola Davis, atriz, 50 anos


Como não ficar de olhos bem abertos com a atuação incrível, o charme devastador e o discurso importante da atriz norte-americana. Neste ano, venceu o Emmy pela professora Annalise Keating da série dramática de televisão How To Get Away With Murder. E deu o recado, ao lembrar que é a primeira atriz negra a levar esta estatueta, deu o recado: “A única coisa que diferencia as mulheres negras de qualquer outra é a oportunidade”. Sem mais.


5- Elza Soares, cantora, 85 anos

Considerada a cantora do milênio pela BBC de Londres, a artista de 85 anos poderia se limitar em curtir a vida em férias. Mas Elza é sinônimo de talento e ousadia e, pela primeira vez, decidiu curtir lançando o primeiro CD só com músicas inéditas, A Mulher do Fim do Mundo. O jornal Estadão classificou-a como o grande destaque da música em 2015. No show, aparece com cabelo lilás, figurino de raízes e mostra consciência política, sobretudo na violência contra a mulher.


6- Valesca Dominik, miss, 23 anos

Quando foi eleita Miss T Brasil 2014, a mineira transexual foi vítima de racismo e apontada como inadequada ao concurso de beleza internacional. Mas ela fez das pedras a sua escada e mostrou como os preconceituosos é que estavam inadequados. Representante da beleza da mulher transexual negra, ela colocou o Brasil no pódio e ficou em segundo lugar no Miss International Queen, na Tailândia. Foto: Beta Brandão. 


7- Adam Lambert, cantor, 33 anos 

Não é qualquer homem que pode se permitir substituir (apesar de ele não gostar desta palavra) Freddie Mercury. No vocal do Queen, o jovem artista mostrou no show que realizou no Rock in Rio, no Brasil, todo o seu poder e merecimento. Não se intimidou em dar muuuita pinta, com direito a salto alto e leque, e mostrou a potência do gogó e da performance. Terminou o show conquistando o público como uma verdadeira rainha.


8- Aydian Dowling, modelo

Neste ano, a revista Mean’s Healt - voltada para o corpo do homem- se viu diante de um desafio histórico: uma enquete que decidiria qual “anônimo” seria capa da publicação apontava que o vencedor mais votado era um homem trans. O feito repercutiu na mídia internacional – ele foi entrevistado por Elle Degeneres – dando visibilidade para a causa. Ao fim, o gostosão não venceu, mas acabou sendo capa da revista ao lado de outros quatro finalistas. “Somos todos vencedores”.


9- Tess Holliday, modelo, 30 anos

"Não há uma só maneira de ser bonita", diz a modelo cis plus size, que tem mais de 1 milhão de seguidores no Instagram. Contratada de uma das maiores agências de modelo do Reino Unido, a Milk Management, ela atrai elogios e olhares por seus generosos contornos. Recentemente, chegou a posar sem roupa para a People.


10- Bruno Gagliasso, ator, 33 anos

É muito provável que o ator esteja nas listas tradicionais. Mas aqui ele entra pela coragem de se mostrar comprometido no combate à homofobia há 10 anos, quando interpretou Junior, em América. Além de participar da campanha Rio Sem Homofobia neste ano, Bruno declarou durante a entrega do Prêmio Contigo! que interromperia a carreira caso os beijos gays em novelas fossem censurados. Ele ainda deu um beijo na boca de João Vicente no prêmio Homem do Ano, na revista GQ. 



11- Jamie Clayton, atriz, 37 anos



Se em 2014 foi Laverne Cox que lacrou como musa trans do Netflix, em 2015 foi a atriz Jamie Clayton que marcou presença na série produzida pelo canal Sense 8. Ela interpreta Nomi Marks, uma hacker política que se envolve com a ativista cis Armanita. Protagonizou uma das cenas mais quentes e excitantes do ano: em que oito protagonistas transam em um ofurô. 


12 /13- Naparuj Mond e Thorsten Middelhof

Uma foto do diretor criativo de uma agência e do engenheiro caiu na rede e mostrou que muitos membros da comunidade gay são cheios de racismos. Questionaram como um tailandês, considerado feio, teria conseguido ficar com um alemão, visto como lindo. A resposta dos pombinhos veio ainda neste ano: eles se casaram na Alemanha e o álbum de fotos deixa qualquer um bobo com tanto amor e carinho.


14- Tyson Beckford, ator e modelo, 45 anos

Este diamante negro continua sendo um dos maiores modelos da história. Entrou na lista dos melhores modelos acima de 40 anos - sim, ele tem 45 - da Vogue, protagonizou ensaios e é o nome principal do filme Chocolate Milk, que fala sobre strippers negros. Fora que ele adora provocar em seu Instagram... 


15- Liniker, cantor, 20 anos

Talento, uma voz poderosa, muita atitude e beleza. Pelo El País, o cantor foi considerado o dono da nova voz brasileira do soul. Ele usa brinco, batom e define o turbante como a sua coroa. Escutei o primeiro EP, Cru, e terminei empolgado e apaixonado. Assista aos vídeos no Youtube - somam mais de 500 mil visualizações cada um - e se apaixone também!


16- Ken Bek, modelo

O gato da imagem foi um dos modelos que posaram para o já tradicional calendário Red Hot, que visa contemplar a beleza do homem ruivo e também limar o bullying praticado contra essas pessoas na escola. Tanto que, além de deixar todo mundo babando, o fotógrafo Thomas Knights destina parte das vendas para a Anti-Bullying Alliance. Ken foi o mister ruivo de agosto.


17 - Criolo, cantor, 40 anos

Além do natural charme, uma das características mais admiráveis do artista é não se calar diante de uma fala torta ou preconceituosa. Já discursou contra a LGBTfobia, a favor dos estudantes em escolas, esfregou a realidade da periferia e se comprometeu a ajudar com show beneficente as vítimas da tragédia de Mariana, Minas Gerais. Que homem, né? 


18 - Victor Belmont, ator pornô

Quando se fala em ator pornô trans, Buck Angel tem o nome mais lembrado. Mas neste ano foi Victor Belmont quem se destacou. Em uma cerimônia chamada The Hookies ele foi o primeiro homem trans a faturar o troféu. A sensualidade é o seu forte. Tanto que na vida pessoa ele trabalha como garoto de programa e diz: "O maior problema é as pessoas não encararem o meu trabalho como trabalho".  


19 - Jéssica Ipólito, ativista, 23 anos

Militante feminista anti-racista, gorda e sapatão, ela reflete em seus textos, fotos e manifestações e desfiles o verdadeiro sentido das palavras empoderamento, sororidade e sensualidade. Esta foto aí foi tirada após ela acordar, se sentir poderosa e atrair mais de 2 mil curtidas. "A cara no sol é pra todas, aceita amores", também declarou em um dos posts. É isso! 


20 - Ruby Rose, modelo, 29 anos

Dizendo-se ter o gênero fluído, essa modelo australiana arrasa em ensaios fotográficos e na carreira de DJ e designer. Neste ano, tornou-se mundialmente conhecida por atuar no seriado Orange Is the New Black como Stella. Tem uma envolvente cena de banho com Taylor Schilling.


21- Thales Bretas, dermatologista

Um dos debates mais quentes no fim de 2015 envolveu o casamento sem beijo do ator Paulo Gustavo - que não curte levantar bandeiras - com o dermatologista Thales. Polêmicas à parte, o fato é que o gato aí é o responsável por fazer o artista famosão se contradizer, gritar ao mundo seu amor e, querendo ou não, levantar bandeira.


22- Inês Brasil, cantora, 46 anos

Ela quase um "alô, alô" na categoria independente do Grammy. Mas a cantora e meme da internet, que chegou a somar mais de 90 mil pedidos, foi boicotada. Tristeza? Inês continua firme, gostosa e forte, "Graças a Deus", e aumentou o número de shows pelo Brasil. Neste ano, lançou a música Make Love e recentemente deixou Bruno Gagliasso doidinho em um encontro. 


23- Matt Bomer, ator, 38 anos

Matt é a prova a outros bonitões de que é possível continuar arrasando na carreira de ator, inclusive como galã, estando fora do armário. Neste ano, estrelou Magic Mike XXL, além da série American Horror Story - Hotel - em que tem cenas quentes com Lady Gaga. Na vida pessoal, é casado e pai de três filhos. Quer um babador?


24- Candy Mel, cantora, 

A cantora da banda Uó conseguiu neste ano o feito de ser a primeira mulher transexual a ser garota propaganda da campanha da Avon sobre o Outubro Rosa – referente aos cuidados ao câncer de mama. Ou seja, levantou a discussão e mostrou que mulher transexual também é mulher. Em 2015, emplacou hits, brilhou no clipe “É da Rádio” e segue atualmente com vários projetos, tipo... Um programa de TV (!!!).


25- Patricia Arquette, atriz, 47 anos

A atriz norte-americana, que sempre é conhecida desde o início da carreira como sex symbol, venceu a categoria coadjuvante no Oscar 2015 e fez um discurso importante sobre igualdade de gênero: "É hora de ter salários e direitos igualitários para todas as mulheres dos Estados Unidos". Do mundo, né?


26- Laith Ashley, modelo, 26 anos

Este gato de origem dominicana é o homem trans que chama atenção no mundo da moda. Ele foi um dos 17 modelos trans escolhidos para estrelar uma campanha da Barneys e, agora, faz parte do casting da agência nova-iorquina Pêche Di. Consciente, ele diz: “Acho que a indústria da moda foca em indivíduos trans com aparência cis, e acho que nós precisamos incluir pessoas com outros tipos de corpos”.


27- CK Lima, jornalista e ativista trans

O ativista trans e jornalista é um dos autores da página “Negros Blogueiros”, que estreou em 2015. “O projeto do Leo Peçanha abriu espaço para abordarmos questões de masculinidade negra de forma interseccional. Os movimentos falam de sexualidade ou de raça, ou de classe, quando na verdade possuímos todas essas subjetividades que nos afetam de forma integral”. Além de gato, engajado e de ser namorado de Bárbara Aires - nossa trans destaque de 2012 - recebeu várias indicações.


28- Krysten Ritter, atriz, 34 anos

Sim, temos super-heroínas mulheres! A atriz cis interpretou Jessica Jones, da Netflix. Na série, a personagem da Marvel desiste da carreira de heroína, tenta reconstruir a sua vida e abre a própria agência de detetives. O sucesso de crítica é tão grande que a personagem deve integrar no time de Os Defensores. Obs: o que dizer das cenas quentes de Jessica com Luke Cage (Mike Colter)? 


29-  Fernando Fernandes, atleta, 34 anos

O modelo e esportista é tetra mundial de paracanoagem e referência no esporte paralímpico, que terá edição em 2016, no Rio.  Quando começou, havia apenas cinco atletas no esporte. Hoje, são 150. Também não deixou que o fato de ficar paraplégico em 2009, após um acidente de carro, atrapalhasse na carreira de modelo. Protagoniza desfiles e ensaios sensuais.


30 - Striperella, performer 

A performer trans Melissa Alonso, que recebe a alcunha de Striperella, é uma das mais completas artistas da noite LGBT do Brasil. Dança, dubla, bate-cabelo, fica com um figurino mínimo e ainda desponta como musa fitness. Quem assiste, fica de boca aberta.  


31- Amy Schumer, comediante, 34 anos

"Uso 40 e não tenho planos de mudar. Ou você aceita ou vai embora". Esta é a frase que a comediante Amy soltou ao fotografar para o tradicional calendário da Pirelli. Neste ano, a marca trocou as tradicionais modelos por 13 mulheres inspiradoras.


32- Buck Angel, ativista trans e produtor

Ele veio ao Brasil para a conferência Ssex Bbox, em São Paulo, e surpreendeu o público com workshops que falavam sobre empoderamento sobre o próprio corpo e a identidade trans. Pela simpatia com que tratou a todos, chegou a ganhar o prêmio Ida Feldman do Festival Mix Brasil. E ainda fez a alegria dos fãs ao fazer um strip-tease em um clube. Buck nunca é demais, né?


33- Maria Júlia Coutinho, jornalista, 37 anos

Mulher negra à frente da previsão do tempo do Jornal Nacional, da TV Globo, Majú (como é chamada) incomodou os racistas de plantão. Foi alvo de ataques de alguns, mas recebeu o apoio da maioria, que usou a hashtag SomosTodosMaju. Continua linda, sexy, cheia de carisma e profissionalíssima no cargo. “Minha militância é o meu trabalho”, declara. 


34- Eddie, gato do Instagram

É comum ver homens malhados sensualizando no Instagram. Mas o ursinho Eddie foge da regra e faz muito sucesso com sua barriga generosa, pelos espalhados pelo corpo e fotos de cueca. Ele diz que as pessoas nunca devem deixar de ser elas mesmas e que ele tem muito orgulho de ser gay. Difícil foi escolher a foto mais sexy pra colocar aqui. Que sirva de inspiração aos brasileiros, né?


35- Mayanna Rodrigues, 29 anos, atriz pornô

São 10 anos dentro do universo pornô, 60 filmes e o reconhecimento do Prêmio Sexy Hot 2015. Mayanna, que é pansexual, concorreu na categoria melhor atriz LGBT e venceu. "Agora quero produzir e dirigir, gravar com o olhar para todos os públicos, e não focado só para os homens". 


36-
Karol Conka, rapper, 29 anos

Uma das principais representantes do rap feminino nos últimos tempos, ela literalmente "tombou" com o clipe da música "Tombei", além do novo single "É o Poder" "Faço música para elevar a autoestima das pessoas". E consegue, mesmo!


37- Ariel Nobre, ativista transviado

Conhecido como o chefão do Sapatão da Moda, Ariel revelou ser homem trans e mexeu com as caixinhas. Define-se transviado – palavra que tem tatuada no braço – e dá pinta na maioria das manifestações que rolam por São Paulo. Neste ano, posou peladão em uma reportagem da revista masculina Sexy, ao lado de outro homem trans e três mulheres transexuais. “Ser homossexual é moleza quero ver ser homo-sex-suelen”.


38- Jout Jout, youtuber, 24 anos

A youtuber definitivamente lacrou neste ano com os importantes vídeos que falam sobre feminismo e outros assuntos importantes. Damos destaque ao “Não tira o batom vermelho” e o “Vamos fazer um escândalo”, que denunciou a cultura do estupro. Jout Jout fala sobre temas tabus e, com seu jeitinho, empodera muitas mulheres.  Nossos leitores – e a maioria mulher, diga-se de passagem - acham isso muito sexy.  


39- MC Trans, funkeira

Camilla Monforte, mais conhecida como MC Trans, mostrou o “trans power” em 2015. Dando continuidade à carreira musical, fez vários vídeos com Roma Gaga, acumulou fãs e lançou músicas, dentre elas, “Eu não sou obrigada a Nada”. Um lacre! 


40- Winnie Harlow, modelo, 23 anos

A canadense, que tem vitiligo desde os quatro anos, está fazendo história no mundo da moda. Empoderada, a bela rompe com os padrões, já arrasou no reality show America's Next Top Model, em campanhas como a Diesel e se diz a "modelo porta-voz do vitiligo". Um arraso! 


41- Josh Hutcherson, ator, 23 anos

O ator da saga "Jogos Vorazes" é um dos artistas héteros cis mais engajados na luta contra a homofobia e a transfobia. Participa de inúmeras campanhas, joga basquete para a organização Straigh But Not Narrow e até já doou computador para LGBTs. "É importante dar as caras e dizer para as pessoas que elas devem ser elas mesmas".


42- Amanda Guimarães, youtuber, 27 anos

Radicada em Hong Kong, a brasileira Amanda Guimarães faz sucesso no Youtube com o canal Mandy Candy. Bem humorada, com cabelos coloridos e uma pitada de ativismo - sim, ela revelou ser mulher transexual no último ano e, neste, deu uma puxada de orelha de outros youtubers (lembra aqui)- só viu a sua popularidade crescer: quase 100k marotos, marotas, admiradores e fãs apaixonados...


43- Cláudio Lins, ator, 43 anos

A novela "Babilônia", da TV Globo, teve um entrave quando as suas telespectadoras mulheres não quiseram que Marcos Pasquim - um típico galã hétero - interpretasse um personagem gay. Se a vida amorosa de Ivan (Marcello Melo Jr.) parecia ao fim, foi a vez de Sérgio (Cláudio) entrar na trama com coragem e amor. E incomodar a onda de conservadorismo que rolou, com direito a beijo. 


44- Daniela Mercury, cantora, 50 anos

Lançou em parceria com a ONU um clipe contra a homofobia. E trouxe aplausos ao posar nua com a esposa Malu Verçosa na capa de seu novo disco, Vinil Virtual, reproduzindo a foto histórica de John Lenon e Yoko Ono. O objetivo, de acordo com a cantora, foi propagar a paz e o amor. 


45- Ju Romano, 27 anos, blogueira

A edição comemorativa de 27 anos da Elle Brasil resolveu dar um passo à frente na representatividade de outras mulheres. Convidou para estampar a capa a blogueira Ju Romano, antiga repórter do MdeMulher e estrela de “A Gorda e o Gay”. Esteve poderosíssima com salto alto e casaco Prada – e sem retoques no photoshop. 


46- Robbie Rogers, jogador de futebol, 28 anos

Ele é o único jogador de futebol profissional que revelou ser gay do mundo. Como se não bastasse, o zagueiro do time Los Angeles Galaxy criticou publicamente a escola de Rússia e Catar, países homofóbicos, para receber a Copa do Mundo de 2018 e 2022. Como protesto, ele promete dar muita pinta em campo. Curtimos afeminados e dentro do meio. 


47- Luana Hansen, rapper

A rapper paulista já denunciou que após se revelar lésbica, várias portas se fecharam. Mas a talentosa artista resolveu criar a sua própria oportunidade. É DJ, produtora, dona de estúdio e MC. "Hoje em dia quero falar que amo 'ela' e ter essa liberdade". 


48- Nick Jonas, cantor, 23 anos

O que o ex-Jonas Brothers está fazendo aqui? O cantor cis e hétero e ator deu exemplo de apoiador da causa gay lá fora. Além de posar para a capa de revistas voltadas ao público, ter proximidade com os fãs gays, cantar em festas do gênero, ele também interpretou um lutador gay na série Kingdom e outro gay na série Scream Queens. Receio de piadinhas? “Tudo o que puder fazer para a comunidade LGBT é uma honra para mim”.


49- Marta Vieira da Silva, jogadora de futebol, 29 anos

Se o Brasil não fosse um país machista, a jogadora cis teria o seu nome citado como referência a cada discussão sobre futebol. Somente neste ano, ela se tornou a maior artilheira da história da Copa do Mundo de futebol feminino, com 15 gols. Ela também se tornou a maior artilheira da seleção brasileira, completando 100 gols. Detalhe: Pelé tinha 95 gols quando estava no pódio, antes de perder para ela. Vrááá!

50- MC Xuxu, funkeira



Karol Vieira, mais conhecida como MC Xuxu, continua mandando os seus "beijos pras travesti" e pra todo mundo. Em 2015, lançou Maldiva, Quero Ficar e repaginou o visual com dreads azuis. Ficou ainda mais sensual, como mostra esse ensaio realizado em Cabo Frio. 


-COMERCIAL SEXY

Quem sabe o nome dos atores que formaram casais gay e lésbica em O Boticário? Pois a cena marcou 2015, causou polêmica, comemoração e também despertou aquela paixão e vontade de receber o boy ou a girl no Dia dos Namorados com cheirinho de Egeo. Acertou até em trazer a representatividade de homens maduros.


PUTS, FALTOU ALGUÉM? 

Deixe o seu comentário que podemos rever e incluir alguns nomes! 

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

11 comentários:

Davi ribeiro disse...

Faltou MC xuxu

Anônimo disse...

Lorelai Fox

fabi disse...

Olha ela ali na raspinha do tacho meu bem, 50 lugar.

fabi disse...

Olha ela ali na raspinha do tacho meu bem, 50 lugar.

Anônimo disse...

Procurei, procurei e não achei a Talessa Top, como assim uma trans Considerada a maior dubladora do país não entrar na lista, mais uma injustiça. Efim

Raphaellaa disse...

Faltou claro!! eu linda de bunitah!!!

Fabian disse...

Faltou aquele travesti q participou do pânico q ficou com Romario.. q agora canta funk.... não lembro o nome.

Fabian disse...

Faltou aquele travesti q participou do pânico q ficou com Romario.. q agora canta funk.... não lembro o nome.

WILLIAN DAVSON disse...

Aaaaaahh. Faltou Roma GaGa ela , lacra qualquer inimiga.. Ela deveria estar ai....

Fabian disse...

Deus e mais.... kkkkk

Thiago Rondini disse...

Ótima lista mas discordo de um nome, apesar de ter sua beleza não vejo sensualidade em Elza Soares, independente de idade ou número de tentativas de correção por intervenção cirúrgica, mesmo jovem, através de arquivos, claro, não acho nada sexy porém gosto dela, claro, ícone artístico certamente.

Tecnologia do Blogger.