Pop e Art

Mya Taylor, da Tangerine, é a primeira atriz trans a vencer o Spirit Awards



.
Mya Taylor venceu na noite de sábado (28) a categoria de “melhor atriz coadjuvante” do “Film Independent Spirit Awards, na Califórnia, a premiação mais badalada voltada aos filmes independentes. Ela é a primeira atriz trans a levar a estatueta. 

+ O que é transfobia? Travestis e transexuais respondem em campanha


A atriz estrela o filme Tangerine, que retrata a vida das profissionais do sexo transgêneros Alexandra (Mya) e Sin –Dee Rella (Kitana Rodriguez). A atriz Kitana também concorreu, mas acabou perdendo a categoria de "melhor atriz" para Brie Larson.

Ao receber o prêmio, Mya fez um discurso em que revela a necessidade de darem emprego, oportunidade e representatividade a pessoas trans na sétima arte. “Há muito talento transgênero por aí... Então é melhor você se levantar e nos colocar nos próximos filmes”, disse. 

Entendeu Hollywood?!?




.
Na coletiva de imprensa, Mya relatou que, se hoje estava sendo reconhecida pelo trabalho como atriz, há alguns meses estava desempregada. “Eu me inscrevi para 186 empregos em um mês e não consegui nenhum. Então apareceu o filme”. E então ela arrasou e mostrou a que veio.

Quem estiver em São Paulo e quiser assistir ao longo, pode correr para o Espaço Itaú de Cinema Augusta. Confira dias e horários clicando aqui.

Assista abaixo ao momento da premiação: 



About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.