Pride

Grupo do RJ oferece atendimento psicológico gratuito para população trans



.
Revelar-se trans no Brasil é viver uma sucessão de desafios, preconceitos e superações. Foi pensando nisso que o Grupo Transdiversidade Niterói, no Rio de Janeiro, promoveu uma ação pioneira no Estado que disponibiliza atendimento psicológico gratuito para esta população.

+ Nome social é direito e tema de campanha na rede; saiba mais


O Núcleo de Atendimento Psicológico (NAP-GTN) vai receber, acolher e atender travestis, mulheres transexuais, homens trans (...) e seus familiares de toda a região leste – referente a Niterói, São Gonçalo, Itaboraí Magé, Maricá e Rio Bonito.

“O atendimento será prestado por voluntários e tem como foco principal o acolhimento desta comunidade, por entender a situação de vulnerabilidade em que se encontra frente às dificuldades que são postas cotidianamente devido ao preconceito e à desinformação”, informa Bruna Benevides, coordenadora da ong.

Vale lembrar que todos os atendimentos são feitos por profissionais de Psicologia e que vão atender a demanda com o objetivo de ajudar, fortalecer e formar uma rede de suporte mútua na luta por dignidade e respeito.

As pessoas que quiserem atendimento e acolhimento, devem enviar o nome (social) e telefone para o e-mail: psico.gtn@gmail.com

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.