Pride

Homem trans tunisiano é esfaqueado pela 6ª vez na Bélgica: “Ameaçaram me decapitar”



.
O homem trans tunisiano Sharky, de 26 anos, foi esfaqueado por dois homens na noite de sábado (11) em Etterbeek, região da Bruxelas. Ele foi encontrado desmaiado por duas pessoas,  com várias perfurações no abdômen, tendo que ser hospitalizado. 

+ Pesquisa inédita revela que 66% dos homens trans já pensaram em suicídio

De acordo com ele, é a sexta vez que é agredido por ser homem trans. E, agora, ele vem recebendo ameaças de um grupo que afirma pertencer ao Estado Islâmico.

“Eles eram as mesmas pessoas que me assaltaram na Tunísia. Eles disseram que eram do Estado Islâmico e que só esperam uma ordem para me decapitar. Eu estou extremamente com medo pela minha vida”, afirmou ao jornal La Capitale.

Sharky afirma que fugiu de seu país em 2012, após ser vítima de diversos ataques transfóbicos do mesmo grupo. Na Bélgica, ele conseguiu durante um tempo levar uma vida tranquila como engenheiro de som, mas a paz acabou assim que a sua identidade de gênero foi descoberta por meio das redes sociais.

Segundo ele, o grupo quer castiga-lo para que sirva de exemplo para outros homens trans não se revelarem. “Eles querem me fazer de exemplo para jovens que não respeitam a lei religiosa deles”, contou o jovem, que está sendo amparado pelo Centro Belga para Igualdade e Oportunidade e Oposição ao Racismo.

"Eu quero mudar oficialmente o meu nome e pedir asilo em outro país, onde eu não estou ameaçado. Essas pessoas me seguiram o tempo todo na Tunísia", lamenta. 

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.