Pop e Art

Grupo de mulheres trans lacra em performance do álbum “Lemonade”, de Beyoncé


.
A gente sabe que o álbum Lemonade, da Beyoncé, é um verdadeiro grito de orgulho negro e contra o racismo mundial. E não é por acaso que ele foi escolhido pelo The Glass Wing Group para uma performance incrível, empoderadora e lacradora.

Em 11 minutos, o grupo -  que é formado inteiramente por mulheres trans – recria as versões do clipe das músicas Hold Up, Sorry, Freedom e Sex Inch. E mostra toda força da mulher negra E TRANS.

O projeto levou 16 horas de filmagem por Q Burdette, e foi produzido e dirigido por Miss Shalae - que é considerada uma das maiores imitadores de Beyoncé no mundo - e Adisa Gooding.


Em entrevista ao Daily Mail, Miss Shalae declarou que Beyoncé é uma inspiração em sua vida e carreira. Afinal, a artista a ajuda encorajar e a lutar contra os preconceitos da sociedade. Tanto por ser uma mulher transexual quanto por ser uma mulher negra.

“Sou uma mulher trans e, no último ano, 22 mulheres negras foram assassinadas. E esses foram apenas os casos relatados. Há mulheres trans no mundo que estão sem direção, sem teto e tentando sobreviver. Desde a minha transição, eu tenho aderido à Beyoncé porque eu me pareço com ela e amo qualquer coisa que ela faz como artista”, diz.

Com o vídeo, que soma quase 100 mil visualizações, Shalae também vai inspirar muita gente... Assista!



About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.