Pop e Art

História de criança trans que quer estrelar papel feminino na escola vira livro infantil



.
Ainda vai chegar um dia que crianças e adolescentes terão várias obras para falar sobre a questão trans. Enquanto isso, iniciativas individuais preenchem a lacuna em prol da necessária representatividade. O mais novo exemplo é a obra “George”, de Alex Gino, que ganha versão em português. 

Novidade no Brasil pela Galera Record, o livro infanto-juvenil (de 10 a 14 anos) aborda a história de uma criança, que é chamada de George e vista como menino pelos pais, mas que se sente e é uma menina, Melissa.

O grande entrave na vida da pequena é quando a professora da escola organiza uma encenação chamada “A Menina e o Porquinho”. A criança gostaria de interpretar a protagonista, mas enfrenta a pressão da professora, da mãe e o bullying dos colegas de classe.




.
A intenção é colocar o leitor sentindo as mesmas coisas que Melissa sente e do incômodo de não ser vista (e não ser tratada) pelas demais pessoas como de fato é. Ele afirma que trabalhou duro para que a mensagem cumprisse a sua missão de informar e sensibilizar e que foram dúzias de rascunhos até o texto final.

O livro chegou a ser criticado por movimentos religiosos fundamentalistas no último ano, mas superou o preconceito e tornou-se uma referência. Tanto que ganhou o prêmio "Escolha das Crianças para autor estreante" do Children's Choice Book Awards. 


Alex é nova-iorquino, escreve história desde os 12 anos e se define como gender queer. “Eu queria que as pessoas trans também contassem histórias trans”, declara o autor ao New York Times.

Agora é aguardar para que o livro chegue ao Brasil e que seja uma importante ferramenta para representatividade e elucidação na vida de várias crianças, sejam elas trans ou cis. Você pode adquir o produto na página oficial da Galera Record clicando aqui

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.