Pride

Mulher transexual salva mulher cis de agressão e roubo na Itália



.
Uma mulher transexual de origem portuguesa ajudou uma mulher cisgênero colombiana, com quem dividia o apartamento, a escapar de ser agredida e roubada por dois homens cis no sul da Itália. A notícia saiu nessa semana no portal italiano Foggia Today.

A mulher cis de 35 anos, que trabalha como profissional do sexo, marcou um programa com os homens de cerca de 30 anos. Após o término do programa, os rapazes se negaram a pagar 100 euros. E mais: agrediram e tentaram roubá-la.

O que eles não poderiam imaginar é que a companheira de quarto estivesse próxima do local, ouvisse os gritos e saísse em disparada para socorrê-la. A mulher transexual invadiu o quarto, enfrentou os dois ladrões e, após algumas agressões, os afugentou.

"Ocorreu uma luta em que a colombiana pediu ajuda à portuguesa. Ela pegou uma faca para defendê-la e chegou a golpear um dos homens, que ainda tentaram assaltar", descreveu os policiais.

Após a violência sofrida, elas registraram um boletim de ocorrência e a polícia local investiga o caso. O portal italiano não divulgou o nome dos envolvidos, mas fica a mensagem da importância da sororidade. 

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.