Pride

Estudante travesti Rebecka de França é eleita coordenadora de Centro Acadêmico do IFRN


Por Neto Lucon

A universitária
Rebecka de França, que cursa Geografia no Instituto Federal do Rio Grande do Norte, foi eleita neste mês coordenadora geral do Centro Acadêmico de Geografia. É a primeira travesti a estudar na IFRN e estar à frente do CA.

No quarto ano do curso, Rebecka afirma que se candidatou após a indicação de amigos e colegas de curso, que conhecem o seu trabalho na luta pelos direitos da população LGBT. “Senti que poderia representá-los”, declarou ela ao site BichaNatalense.

Com a presença do diretor do campus central José Arnóbio de Araújo, do coordenador geral do curso de licenciatura em geografia Malco Jeil de Olveira Alexandre e de representantes do coletivo Paulo Freire, Rebecka disputou a eleição em chapa única e foi aprovada por aclamação.

A eleição representa uma vitória na vida de Rebecka, que quando entrou no IFRN sentiu medo de enfrentar a transfobia. Em reportagem do site Apartamento 702, que acompanhou o primeiro dia de aula, ela revelou o nervosismo de não ser bem aceita. Passado o receio inicial, hoje ela é além de aceita, uma referência para os amigos e colegas. 



Juntamente com a licenciatura em Geografia, Rebecka faz estágio como professora no ensino médio e fundamental no Rio Grande do Norte. E é coordenadora e fundadora da organização Atransparência, de defesa às travestis e transexuais. O contato com os alunos, que vão de 7 a 12 anos, é de muito respeito. “Criança não tem maldade e nem preconceito”, declara.

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.