Eventos

Palestra sobre “Transvisibilidades” será realizada na Universidade Federal do Rio Grande do Sul


O G8-Generalizando do SAJU - UFRGS (Serviço de Assessoria Jurídica Universitária da Universidade Federal do Rio Grande do Sul) organiza nesta quinta-feira (26) a palestraTransvisibilidades: cultura, direito, educação e saúde”. Ela acontecerá no auditório Teatro do Prédio II do Foro Central de Porto Alegre.

O intuito é aproximar dos debates sobre direitos da população trans, no que tange a busca por um sistema educacional e de saúde inclusivos e livres de preconceitos, bem como o acesso à retificação de nome e de gênero, atualmente concedida pelo Judiciário por falta de política pública específica que conceda a mesma sem maiores burocracias.

Além disso, discutir como a cultura de massa trata esse grupo, seja na publicidade ou na produção artística, também é relevante quando identificados preconceitos e invisibilidades em tal representação.

A entrada é gratuita e o convite aberto a toda comunidade!


OS CONVIDADOS

Atena vai palestrar sobre o reconhecimento do
direito ao nome 
Os convidados da palestra serão Atena Beauvoir Roveda, graduanda em Licenciatura em Ciências da Natureza. Sua fala vai destacar o debate sobre identidade de gênero e educação, avanços e retrocessos nessa área, bem como a importância do reconhecimento do direito ao nome para promoção de uma educação inclusiva.

Carla Gabriela Vargas é desenvolvedora independente de jogos, ilustradora e designer. Ela vai falar sobre identidade de gênero e arte, com ênfase nas dificuldades do mercado formal e nas alternativas autônomas para criar sem limitar.

Eric Seger de Camargo é coordenador da região sul do Ibrat - Instituto Brasileiro De Transmasculinidades graduado em Educação Física. Enfatizando a necessária despatologização das identidades trans, ele também fará uma análise crítica em relação ao tratamento dispensado por profissionais da área de saúde para a população de transexuais e travestis.

Julio Bittencourt é bacharel em Direito e trará ao debate um pouco da experiência da retificação de nome e gênero, bem como qual é o contexto do Judiciário gaúcho em comparação com o restante do Brasil em relação aos processos de retificação de registros públicos

PROJETO DIREITO À IDENTIDADE: VIVA SEU NOME


Após essa conversa ocorrerá o protocolo das ações de retificação de registro do projeto “Direito à Identidade: viva seu nome!”, que se encontra em sua nona edição. 

Desde 2013, o G8-Generalizando atua em forma de mutirão protocolando tais ações coletivamente a fim de realizar pressão política no judiciário e na tentativa de visibilizar a demanda de retificação do nome e gênero das pessoas trans dentro do meio jurídico. Participe!

Transvisibilidades: cultura, direito, educação e saúde e Direito à Identidade 9ª edição
Quando? 26/01/2017 às 14h
Onde? Auditório Teatro (térreo) do Foro Central de Porto Alegre Prédio II (Rua Manoelito de Ornelas, 50)

Realização: G8-Generalizando
Apoio: Igualdade RS - Associação de Travestis e Transexuais do Rio Grande do Sul
Ibrat RS - Instituto Brasileiro de Transmasculinidade - Rio Grande do Sul

About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.