Pop e Art

Após 2 anos parado, filme com atriz cis Elle Fanning vivendo homem trans ganha data de estreia


O filme “3 Generations” (3 Gerações), no qual tem a atriz cisgênera Elle Fanning interpretando o homem trans Ray ganhou uma data de estreia nos EUA. O filme, que anteriormente era intitulado About Ray (Sobre Ray), está há dois anos parado.

Inicialmente, o longa ficou em stand by porque a distribuidora The Weinstein Co, depois de receber críticas positivas no Festival de Toronto, em 2015, disse que aguardaria a estreia para concorrer a prêmios. O que nunca ocorreu. 

Talvez porque neste momento atrizes e atores trans internacionais (e nacionais) pedem representatividade – ou seja empregabilidade – e que tais personagens trans sejam feitos por eles. E esta é uma tendência atual.

3 Gerations é dirigido por Gaby Dellal e conta a transição do homem trans Ray (Elle Fanning), que foi designado mulher ao nascer, mas que se identifica com o gênero masculino e é um homem. E a relação com a mãe (Naomi Watts) e sua avó (Susan Sarandon), que é lésbica.

Como ele é adolescente e enfrenta conflitos com a mãe, Ray precisa da autorização do pai para que inicie a hormonioterapia. E, assim, possa estar mais confortável com o próprio corpo e aparência.


“Essa história corajosamente defende a aceitação, tanto do outro como de si mesmo. É uma mensagem que todos acreditamos e estamos muito orgulhosos em poder compartilhar com mais pessoas, agora mais do que nunca”, disse Naomi À Variety.

O filme vai abrir o Bentonville Film Festival, nos EUA, dia 2 de maio, e chegará aos cinemas norte-americanos no dia 5 de maio. Ainda não há data de estreia no Brasil, mas a previsão é que em breve ele deve ser distribuído.

Assista ao trailer: 


About Neto Lucon

Jornalista. É formado pela Puc-Campinas e pós-graduado em Jornalismo Literário pela Academia Brasileira de Jornalismo Literário. Escreveu para os sites CARAS Online, Virgula e Estadão (E+), Yahoo!, Mix Brasil, no jornal O Regional e para a revista Junior. É autor do livro-reportagem "Por um lugar ao Sol", sobre pessoas trans no mercado de trabalho. Tem quatro prêmios de jornalismo, sendo dois voltados para as questões trans, Claudia Wonder e Thelma Lipp

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.