Header Ads

Travesti adolescente é agredida a pauladas e sofre traumatismo craniano em Fortaleza


Uma travesti adolescente, cujo nome social e nem a idade foram divulgados, foi agredida no domingo (16) com pedaços de madeira na rua dos Tabajaras, no bairro Praia de Iracema, em Fortaleza.

Segundo a Polícia Militar, em declaração ao site local CNews, ela estava próxima a ponte dos Ingleses quando foi alvo da violência. Apesar dos ferimentos, ela chegou a pedir ajuda à base móvel da PM, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura.

A vítima foi socorrida por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e foi encaminhada consciente ao Instituto Dr. José Frota(IJF), no Centro de Fortaleza. Um socorrista informou que ela teve traumatismo craniano.

Reprodução/ TV Cidade
A Policia Militar descarta transfobia, uma vez que testemunhas dizem que as agressões foram por conta de disputa de pontos de prostituição. Mas não informou se há suspeitos ou como será realizada a investigação. Até o momento ninguém foi preso.

+ Pense: Quando uma travesti é assassinada por outras travestis, é transfobia?


TRAVESTIS MORRENDO EM FORTALEZA

Várias travestis foram agredidas e mortas em Fortaleza nos últimos dois meses. Hérika Izidório, que foi jogada de um viaduto na avenida José Bastos, morreu na última semana.

A travesti Dandara dos Santos também foi agredida com pedaços de pau, chutes e um tiro no bairro Bom Jardim, em Fortaleza. Os agressores filmaram a agressão e colocaram nas redes sociais, sendo presos logo depois.

Já Paulete foi agredida e esfaqueada por três homens em Morrinhos. Ela foi socorrida e segue internada na Santa Casa de Misericórdia de Sobral, em estado grave.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.