Header Ads

Em seu canal, Nátaly Neri fala sobre namoro com o blogueiro trans Jonas Vilela


Nátaly Neri é uma mulher, cis, negra e youtuber referência quando o assunto é negritude. Jonas Vilela é um homem, trans, branco e blogueiro de uma página sobre questões de gênero. Eles namoram há mais de quatro anos e, no finalzinho de 2016, fizeram um vídeo no canal “Afros e Afins” para falar sobre o relacionamento.

No vídeo, eles responderam perguntas dos seguidores e contaram que começaram a namorar online e à distância - ela é de São Paulo e ele é de Minas Gerais - depois de se conhecerem na comunidade Fake do Orkut, em que criavam perfis paralelos e conversavam.

Nátaly afirma que se apaixonou por Jonas sem sequer ter visto uma foto e que se atraiu principalmente pela inteligência e a capacidade dele escrever bem. Jonas também diz que sempre considerou a inteligência de Nátaly como um dos principais ingredientes do relacionamento.

Após muitas conversas online, finalmente eles se conheceram. “Quando a gente se encontrou, a gente já era apaixonado e já namorava. Eu só tinha visto uma foto de perfil, então a expectativa era de metade de uma foto”, conta com bom-humor.

No início, Jonas ainda não se reconhecia como homem trans, mas como uma lésbica masculina. E após falar sobre o assunto para Nátaly, ela teve que passar por um processo de aceitação. “No começo foi bem complicado. Foram sete meses de muitas dificuldades no relacionamento, a gente não se comunicava”, declarou.

ENTENDENDO O OUTRO

Nátaly reconhece que durante o tempo de entendimento da identidade de gênero do namorado esteve muito mais focada em si. “Eu não estava pensando nele. Mas depois entendi que se ele não estivesse feliz, não tinha como continuar do jeito que estava, porque eu não estaria feliz automaticamente”, afirmou.

Jonas conta que ela se tornou a principal pessoa que o apoiou. Por outro lado, quando ela começou a se envolver e se aprofundar no ativismo feminista e das questões envolvendo negritude, Jonas disse que ele passou a ser visto apenas como o “homem branco”. Em outro vídeo, Nátaly explica que teve consciência da solidão da mulher negra e dos relacionamentos abusivos que muitas vivenciam, mas que depois entendeu que vive uma exceção e que não precisaria terminar o relacionamento saudável com uma pessoa branca para que o seu discurso tivesse legitimidade.

“Agora, a gente entrou num ponto de equilíbrio perfeito”, disse. 


Assista ao vídeo: 



Tanto que ela afirma que tudo o que entende sobre gênero, sexualidade e identidade foram por meio do namorado. E ele também diz aprender muito sobre o debate envolvendo questões raciais e da negritude com a namorada. “Enquanto uma pessoa branca, eu não teria contato com essa discussão. A gente divide textos de raça e gênero e a gente consegue se ajudar muito nesta desconstrução”.

Ao contar para a família sobre o namoro, ela procurou não fazer dele uma questão. “Não cheguei e falei: ‘pai e mãe, estou namorando uma pessoa trans. Cheguei e falei que estava namorando uma pessoa, depois de dois anos de namoro. Então, não importa o que vocês falem, eu já estou namorando há dois anos. Não é uma aventura, não é uma fase”. E afirma que todos lidaram muito bem com o relacionamento.

PRÓXIMOS PASSOS

Namorando à distância, eles tentam fazer de tudo para ficar próximos por meio da tecnologia. Combinam, por exemplo, de assistir juntos várias séries de TV, bem como The Walking Dead, Stranger Things e Jessica Jones.

Sobre o que mais admiram um no outro, Nátaly mencionou é a capacidade de mudança, transformação e de ele sempre ser uma pessoa melhor. Já Jonas diz que o que mais admira na amada é a determinação e a persistência.

Neste ano, eles planejam dar um passo a mais no relacionamento e (para a alegria dos seguidores) morar juntos. Só precisam combinar direitinho sobre o espaço e móveis, já que, como eles dizem, Nátaly é rococó e Jonas minimalista. Afinal, já descobriram que o respeito, o diálogo, a admiração e a cumplicidade são os melhores caminhos para o relacionamento.

Para assistir outros vídeos da Nátaly, q
ue tem quase 200 mil inscritos, basta clicar aqui e se inscrever. Para conhecer alguns dos textos de Jonas no tumblr "Eu, Jonas" clique aqui e acompanhe as postagens. 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.