Header Ads

Transserviços

Conheça 21 pessoas trans que fizeram história na Parada do Orgulho LGBT de SP


Por Neto Lucon
Fotos: Eduardo Moraes (Em Neon) 


A Parada do Orgulho LGBT de São Paulo completa 21 anos neste domingo (18). Trata-se da maior Parada do mundo e que reúne milhares de pessoas que buscam militar, se divertir e também incentivar a luta pelos direitos da população LGBT.

Embora muita gente ainda conheça apenas como Parada Gay – algo que invisibiliza as demais orientações sexuais e identidades de gênero – é inegável a importância da presença T dentro da manifestação. 

Seja na luta de militantes como Claudia Wonder, na presença de celebridades como Thelma Lipp, em manifestações como a de Kimberly Luciana Dias, protestos como o de Viviany Beleboni, a presidência de Alexandre Peixe dos Santos e temas como a Lei João W. Nery.

Pensando em fazer uma homenagem e resgatar alguns nomes para a atual geração, trazemos 21 travestis, mulheres transexuais e homens trans (são as identidades T do movimento organizado) que fizeram história. Além das nossas fotos de arquivo, contamos com o incrível acervo do fotógrafo Eduardo Moraes, do site Em Neon, que a gente adora e indica (clique aqui).

Confira as fotos:

1- Marcinha do Corinto
Uma das artistas travestis de maior sucesso no Brasil e na Europa, Marcinha esteve presente em várias Paradas. Em 2002, ela brilhou ao ir como índia, ressaltando amor pelas origens. (foto: Eduardo Moraes)


2- Claudia Wonder in memoriam
Durante sua trajetória, Claudia (1955-2010) aliou a arte de cantar, performar, atuar e militar. Também deixou sua marca nas Paradas. Esta é de 2006. (foto: Eduardo Moraes)


3- Maite Schneider 
A atriz sempre levou o lado militante para as Paradas LGBT. Em 2010, Maite foi vestida com a grife Heroína, em que dizia que intolerância mata. (foto: Divulgação).


4- Viviany Beleboni
Performance impactante é com ela. Viviany escreveu seu nome na história em 2015, ao mostrar que LGBTs carregam a cruz da LGBTfobia e trazer o debate a nível nacional. (Foto: Divulgação).


5- Divina Aloma
Aloma é uma das artistas mais talentosas do Brasil e que leva o glamour dos tempos de ouro até hoje. Em 2009, esteve toda exuberante e linda, confira! (Foto: Eduardo Moraes). 


6- Léo Barbosa
Ao lado de outros homens trans, Léo desfilou de bengala e mobilidade reduzida na Parada de 2015 no chão e também em cima do trio. Eles vestiram a camiseta do IBRAT com a frase: "Juntos somos mais Fortes". (Foto: Neto Lucon). 


7- Kimberly
Militante, miss e criadora do Mundo T-Girl, Kimberly sempre prepara uma manifestação artística para a Parada. Ela veio de Justiça em 2014, pedindo a provação da PL 5002/2013 - João W Nery -a Lei de Identidade de Gênero. (Foto: Neto Lucon)


08- Brunna Valin
Militante transexual, Brunna esteve nas cores da bandeira trans na Parada do Orgulho LGBT de 2015. (foto: Neto Lucon)


09- Adriana da Silva
Ela é conhecida também como Adrianinha da Parada, por conta do sua atuação na Associação da Parada. Ela faz um trabalho lindo com a população LGBT e como coordenadora das travestis e mulheres transexuais. (Foto: Neto Lucon)


10- Nathasha Dumont e Jaqueline Bedin
As amigas se divertiram muito na Parada de 2001. Vale dizer que Natasha é ícone de beleza, ganhando vários concursos de miss t. (foto: Eduardo Moraes).


11- Antara Gold 
A artista e estilista foi de Mulher Maravilha na Parada de 2008. Atualíssima em 2017, com o filme da super-heroína em cartaz nos cinemas. (Foto: Eduardo Moraes). 


12- Joyce Mendes in memoriam 
Joyce era estudante do Transcidadania, militante e estava sempre presente nas manifestações. Em 2015, fez sua última participação e posou para a gente (foto: Neto Lucon). 


13- Juliana Di Primo e Raphaella Faria 
Em 2002, essas duas estrelas trans participaram da Parada. Quinze anos depois, elas continuam com tudo e mostram que estão ainda mais incríveis. (foto: Eduardo Moraes)


14- Bianca Mahafe
Bianca vai todos os anos na Parada, já chegou ser homenageada pela Associação e sempre investe em um figurino diferente. Esta foi a Parada de 2015: "Eu nasci assim, eu cresci assim, vou ser sempre assim: respeitem-me". (foto: Neto Lucon). 


15- Andréia Albertine in memoriam 
Após o bafo com o jogador Ronaldo, Andréia esteve na Parada no chão em 2008. Com plumas coloridas, ela desfilou no chão ao lado de outras travestis e não quis falar com a imprensa. Andréia morreu no ano seguinte. (foto: divulgação)


16- Claudia Lee 
Vestida com as bandeiras do Brasil, Claudia Lee esbanjou beleza na Parada de 2002. O tema era Educando Para a Diversidade. (foto Eduardo Moraes).


17- Alexandre Peixe dos Santos
Em 2008, Xande era o presidente da Associação da Parada LGBT de São Paulo. Foi o primeiro e único homem trans a ocupar o cargo até então. (Foto: Eduardo Moraes)


18- Mirian Queiroz
Mirian foi com um figurino todo rosa e mandou um "Beijo pras travesti", clássico de MC Xuxú, na Parada do Orgulho LGBT de 2015. (foto: Neto Lucon).


19 - Pamella Anderson in memoriam
Nas Paradas, Pamella - que era uma das artistas de filmes adultos mais requisitadas da cena - exibida toda a sua beleza nos trios da Parada. Esta foto é de 2007. Ela disse adeus três anos depois. (foto: Eduardo Moraes).


20- Carla Hellen
A diva trans Carla Hellen, que arrasa nas performances, vestidos e dublagens, brilha em um look caprichado para a Parada de 2015 (Foto: Neto Lucon)


21- Thelma Lipp in memoriam


A atriz que abalou os anos 80-90 já esteve na Parada do Orgulho LGBT e atraiu todos os olhares. Na época, Thelma havia acabado de posar para a revista Transex. Infelizmente ela morreu em 2004. (Foto: Eduardo Moraes). 



* Não pense que somente essas pessoas ajudaram, participaram e contribuíram para a manifestação. Esta é apenas uma homenagem e uma maneira de dizer que a sigla T também é responsável e importante pelo sucesso para a maior Parada do mundo. Outras fotos de pessoas incríveis podem ser vistas no Instagram do NLUCON. Clique aqui

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.