Header Ads

Livro resgata história das travestis que viveram em Fortaleza nos anos 80


POR NLUCON

O historiador cis Elias Veras acaba de lançar o livro “Travesti: carne, tinta e papel” (R$52), que conta a história daquelas que viveram em Fortaleza em 1980 e tornaram-se precursoras do movimento T. A obra surgiu de sua pesquisa na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Capa de Travestis: carne, tinta e papel
Dentre as perfiladas está Thina Rodrigues, Rogéria Chacrete e Bianca. O escritor fala sobre a memória de cada uma, incluindo o material de pesquisa que feio nas mídias impressas, que refletem como as travestis eram retratadas em revistas há 30 anos.

Corporeidade, estigmas, preconceitos, violências e muitos obstáculos que se colocam diante da vivência de uma travesti são retratados no livro. Elias afirma que percebeu que a imagem das travestis foi se construindo a partir de uma série de representações, ora em páginas policias ora em especial de carnaval.

Thina Rodrigues, presidente da Associação de Travestis do Ceará (Atrac), afirma que é importante resgatar essa história – uma vez que quanto maior foi e é a repressão mais fica evidente a resistência da população de travestis. “É bom saber que tem gente preocupada em cotar essa história esquecida da gente”, declarou ao O Povo.

Quase quatro décadas depois, a militante afirma que observou muitas lutas, mortes e vitórias. Mas que atualmente seu medo é que o legado das travestis acabe. “Estão usando um discurso higienizador de que todo mundo tem que ser visto como trans, como se a pessoa se identificar como travesti fosse menor”, disse.

O escritor tem um olhar positivo sobre a atualidade. “A travesti agora é colocada como protagonista da própria história. Na década de 80, elas não apareciam na mídia com direito à fala. Hoje, apesar dos programas policiais ainda tentarem ridicularizá-las, teve uma transformação e a representação da travesti é mais plural”, finalizou.

Você pode adquirir o livro, que custa R$ 52, clicando aqui.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.