Header Ads

Mister Trans Athos Souza estrela primeiro ensaio sensual: “Me sinto mais bonito e confiante”


Por Neto Lucon

O modelo e mister trans Athos Souza acaba de protagonizar o seu primeiro ensaio sensual. Aos 27 anos, ele tirou quaaase toda a roupa e mostrou o lado sensual para as lentes de Cris Boldrini, no estúdio do fotógrafo no Rio Grande do Sul.

+ Athos é garoto-propaganda de marca de regatas

Segundo Athos, o trabalho ocorreu num momento em que se sente mais confiante, mais bonito e com boa autoestima - embora não se considere uma pessoa sensual (discordamos muito!).

“O Cris é mega profissional e me deixou super a vontade, tanto na escolha de alguns conceitos para o ensaio quanto na hora de ‘tirar a roupa’. Me senti muito seguro durante todo o processo”, afirmou Athos ao NLUCON. O ensaio contou com a produção de Jeff Matthes.

Ele diz que a única coisa que bebeu para se soltar e ficar totalmente focado no ensaio foi café. Afinal, no dia o modelo realizou três ensaios: um com fotos de protesto, e que ele tinha como pano de fundo a bandeira trans, outro ensaio profissional para apresentação em agências e o ensaio sensual. 

 


 


 “Gostei muito do resultado e de todo o trabalho para realizar as fotos. Poderia fazer todos os dias, apesar de ser mega cansativo”, diz. Dentre as fotos do ensaio que mais gostou, o modelo aponta a p&b em que está de joelhos com o tronco para trás.

SONHO DE QUALQUER FOTÓGRAFO

Ao comentar as referências do ensaio, o fotógrafo diz que pesquisou revistas e ensaios fotográficos de artistas famosos, mas que traz como referências as luzes e sombras da fotógrafa Vera Carlotto e o olhar gentil e suave dos ensaios do fotógrafo Edgar Neumann. E revela que quis mostrar um modelo sensual com uma trajetória de luta por trás.

"Saindo de um ciclo de julgamentos"
“Quis passar a imagem daquilo que o Athos é, uma pessoa mergulhada em uma batalha diária de luta, sonhos, sensualidade e pureza. Quando trago ele forçando a saída de um pano vermelho queria mostrar ele se transformando, saindo dentro de um ciclo de julgamentos”, afirma.

Eles se conheceram na Parada LGBT de Sapucaia, Rio Grande do Sul, e retomaram contato por meio das redes sociais, logo marcando o primeiro ensaio. Cris defende que Athos é o sonho de qualquer fotógrafo, pois topa todas as ideias, poses, luzes e figurinos. E entrega que chorou ao ver o resultado das imagens em uma ‘super-tela’.

“Foi maravilhoso ver o sorriso de felicidade e de emoção que ele não quis esconder. Foi um dos modelos que mais me identifiquei e foi um ensaio que vai ficar marcado para mim, tanto que acabei convidando Athos para ser modelo fotográfico do meu portfólio e também para ser modelo dos meus alunos na escola onde leciono fotografia”, conta.

 


 


  
 ASSÉDIO E NU

Desde que ganhou o concurso de mister e protagonizou ensaios, Athos afirma que sofre assédio de todos os tipos de pessoas. E que procura levar “na boa” enquanto há respeito. Ele afirma, por exemplo, que nunca passou por nenhuma situação em que a pessoa avançou o sinal.

Tanto que, ao ser questionado, ele disse que toparia até posar para um ensaio nu. “Eu faria, pois se tem uma coisa que eu amo fazer é tirar a roupa (risos). Sou muito tranquilo em relação a isso. Estou em uma sintonia com meu corpo tão boa que não me sentiria envergonhado ou algo do tipo”, disse o belo.

Novos convites?






Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.