Header Ads

Transserviços

Cabeleireiro gay de 35 anos é assassinado e mutilado em Ananindeua, no Pará


POR NLUCON

Akio Willy Costa Cruz, de 35 anos, foi vítima de um crime bárbaro na madrugada de terça-feira (18) que chocou a cidade Ananindeua, no estado do Pará. Ele foi assassinado e mutilado por dois homens dentro de uma kitnet na rua Júlio Cordeiro, centro da cidade.

De acordo com a Polícia Civil, os assassinos passaram a noite com a vítima e, após terem assassinado, arrancaram as vísceras, olhos e a genitália. Akio era cabeleireiro e homossexual.

A equipe da Polícia Militar foi acionada e conseguiu capturar os dois suspeitos. O delegado Jivago Ferreira declarou ao G1 que eles foram presos em flagrante às 5h50 de terça-feira (18). “Após coleta de imagens pela equipe de divisão de homicídios, foram repassadas à Polícia Militar o local a fim de prender em flagrante tais indivíduos”.

Um tinha 16 anos e, por ser menor de idade, foi encaminhado para a Divisão de Atendimento ao Adolescente (DATA). Já Marcelo José Sacramento foi encaminhado para a Divisão de Homicídios.

Alguns sites noticiaram que o assassinato foi contra uma travesti, mas a informação não procede uma vez que amigos disseram que Akio era um homem cis homossexual. Deixamos aqui o nosso repúdio ao assassinato, sentimentos aos amigos e familiares e a vontade de que os acusados paguem pelo que crime que cometeram.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.