Header Ads

Militante trans é nomeada Secretária Adjunta do Trabalho, Habitação e Assistência Social no RS


Por Neto Lucon

A assistente social e militante trans Lins Roballo foi nomeada na sexta-feira (14) Secretária Adjunta na Secretaria Municipal de Trabalho, Habitação e Assistência Social, na cidade Itaqui, Rio Grande do Sul.

Durante a apresentação, a secretária da pasta Letícia Viana, que indicou Lins ao prefeito Jarbas Martini (PP), declarou: “Quero informar a todos que a minha adjunta é uma petista, lgbtt, negra e que me ama”.

Em conversa com o NLUCON, Lis afirmou sua nomeação reflete o reconhecimento de sua identidade trans, de sua negritude e da luta pelas questões minoritárias e sociais. “Atuo a nível estadual e federal, sou coordenadora do FONATRANS, participo da ANTRA, sou articuladora do HIV/aids do SUS. A gestão teve o entendimento do quanto isso é importante”, declarou.

Ela diz também que sua vitória acaba sendo referência a várias outras pessoas LGBT. “Estou à frente da política que trabalha diretamente com vulnerabilidades sociais, que visa diminuir o distanciamento entre direito e a política pública social, que atua na perspectiva de trabalhar com equidade e responsabilidade social. É um grande passo para o movimento LGBT no interior, para as mulheres travestis e para os negros e negras do nosso país”.

Os trabalhos começam nesta segunda-feira (17). Lins vai será secretária adjunta e gestora do CadÚnico – Bolsa família e coordenadora da Política de Habitação do Município.


ENFRENTAMENTOS

Ao longo de sua trajetória na política, Lins chegou a ter inúmeros trabalhos, conquistas e também enfrentamentos. Assistente social desde 2013, ela já foi nomeada para a Secretaria da Saúde e ficou no CAPS na Saúde Mental. Em 2015, foi coordenadora do CRAS na Secretaria de Trabalho, Habitação e Assistência Social.

Porém, naquele ano, houve diversos enfrentamentos devido aos PME, que queria barrar a discussão sobre gênero nas escolas. Coordenadora do Girassol,, Amigos na Diversidade, Lins defendeu a importância da discussão e chegou a fazer uma performance que critica o fundamentalismo religioso. E foi retirada do cargo.

Performance de Lins em que questiona o fundamentalismo religioso

De 2016 a 2017 trabalhou na área de educação e na saúde. Porém, após as enchentes que ocorreram no final de junho, ela foi cedida para trabalhar ao lado de outros assistentes sociais para a criação do projeto, tabulação dos dados e informação aos meios de comunicação sobre as enchentes. Foi durante este trabalho que teve contato com Leticia Viana, que esteve na nova gestão.

“Vendo a minha dedicação, o prefeito e ela começaram a pensar sobre a possibilidade de ser sua adjunta, já que ela estava sem e os colegas começaram a dizer que eu era a melhor escolha. Sobre o fato de eu ser petista, o prefeito disse que não importava, pois o trabalho estava sendo feito para a população, não para partidos. Assim, ela me escolheu e me apresentou aos colegas”, declarou.

Nas redes sociais, após a postagem de Lins falando sobre a nomeação, Leticia garantiu que o mérito da escolha é todo da assistente social. “Sei que faremos uma bela dupla, trabalhando para o bem e em prol da comunidade conforme a legalidade. Acredito muito no trabalho de você, estou todos os dias aprendendo algo novo. Sei que com diálogo e dedicação faremos um bom trabalho", escreveu.

Parabéns!!!

2 comentários

reis disse...

Vamos ver o q ela vai fazer. Se for por ser trans claro q é um avanço no sentido de a sociedade aceitar as diferenças de gênero. Mas o trabalho na prefeitura para ser respeitado tem que ser um trabalho a favor do povo e, não contra como é o que faz o partido do prefeito - o PP- . A matéria diz q ela é do PT, então aguardamos o que ela vai conseguir fazer. E não adianta mimimi, se não der para fazer nada ou se a balança pesar para o lado negativo para o povo, melhor é cair fora .

reis disse...

E desculpe esqueci de enviar boa sorte para ela, de coração desejo que seja muito bem sucedida e possa alçar voos mais altos na política , se for a favor do povo é claro.

Tecnologia do Blogger.