Header Ads

Treinador trans Juliano Ferreira participa de concurso de fisiculturismo no RJ


Por Neto Lucon

O treinador Juliano Ferreira, também conhecido como Júh Asth, será um dos homens trans que participará às 14h, no dia 15 de outubro do concurso X Angel and Boys Fit, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. O concurso visa premiar o homem trans com o corpo definido e músculos harmônicos.

De acordo com o atleta, ele foi convidado para participar quando atuava como treinador e acabou se interessando pela competição. "Assim consigo motivar as pessoas a se exercitarem mais e deixarem os achismos de lado. Todos somos capazes", defende.

Juh declara treinar ininterruptamente há 9 anos e que atualmente faz musculação com o treinador Nikolas Fourier e trilhas. Nas redes sociais, ele publica fotos durante os treinos, exibe os músculos bem distribuídos e recebe muitos elogios. Confira clicando aqui

"Fiquei 31 dias sem treinar por conta da cirurgia no peitoral, a mastectomia. Sabia que meu shape ia dar uma caída para a competição. Já voltei fazendo uma dieta bem rígida para competir, mas por conta da recuperação ainda estou sem poder fazer musculação com cargas", afirma.

O competidor diz que a importância de participar do concurso é mostrar para o mundo que pessoas trans se tratam de pessoas comuns. "Tenho projeto de levar para o mundo que somos normais. Então, participar é saber que muita gente vai estar ali olhando para nós encima do palco e tendo a visão de que nada é impossível. Basta querer. A determinação hoje em dia é um sobrenome".



PATROCÍNIO

Após o concurso, que terá em média seis competidores homens trans, ele espera se inscrever e competir no IFBB, da Confederação Internacional de Fisiculturismo. "Daí a competição será com homens cis. Mas preciso de muita visibilidade para isso acontecer", afirmou ele, destacando a dificuldade de atletas sem grande divulgação e sobretudo trans conseguirem patrocínios.

"Se você soubesse quando 'nãos' eu já recebi. Só que as empresas esquecem que somos pessoas normais, que fazemos uso dos mesmos produtos e até muito mais. Seria importante ter alguém lá para que os milhares de trans que sentem vergonha de si possam se olhar, se reconhecer, se inspirar. E mostrar para o mundo que também fazemos parte do esporte", declarou.

DESTAQUE NA MÍDIA

Em entrevista no SBT
Durante a entrevista, tive a impressão de já ter visto Juliano em algum lugar. E, sim, ele participou há alguns anos de programas de TV - como o Programa do Ratinho, do SBT - e era apresentado como "Julio revela seu segredo: na verdade, 'ele' é mulher".

Ele conta que na época ele deixava tal abordagem pois desconhecia a identidade homem trans. "Sempre me entendi como homem. Mas não tinha conhecimento do que era trans, não tinha as informações corretas para avaliar de fato o que eu sempre fui", explicou ele.

Agora, mais consciente e com as informações corretas, ele tem tudo para retornar à mídia com visibilidade, informação e beleza sem medidas. Boa sorte!

Veja algumas fotos abaixo: 




Veja mais fotos no Instagram dele clicando aqui

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.