Header Ads

Mulher transexual Kiara Vellano denuncia ser chamada de "viado" ao usar banheiro feminino de supermercado


POR NLUCON

Kiara Vellano Damasceno, mulher transexual de 27 anos, foi vítima de transfobia na segunda-feira (25) após usar o banheiro feminino o supermercado Bompreço, em Salvador. Ela denuncia que funcionários do estabelecimento passaram a agredi-la verbalmente.

De acordo com o relato de Kiara, ela estava no supermercado ao lado do marido. Ela usou o banheiro feminino, lavou as mãos e, ao sair, passou a escutar de seguranças homens vários questionamentos. Eles disseram que era um “homem”, um “viado” e que deveria usar o “banheiro masculino”.

Após uma discussão, ela pediu para conversar com o gerente, que conteve os funcionários, mas também defendeu que ela não poderia usar o banheiro feminino. Ele questionou o nome “Kiara”, se existia alguma lei que permitia a entrada no espaço e perguntou qual era a documentação dela. Apenas uma funcionária defendeu a cliente.

Alegando ser a primeira vez que passa por uma situação parecida, Kiara registrou um boletim de ocorrência na 14º Delegacia (Barra) e será escutada pela delegada Carmem Dolores. Ela diz que se sentiu "humilhada" e "constrangida" com a situação. O crime de injúria ainda passa por investigação.

Por meio de uma nota, o Bompreço afirmou que o caso será apurado internamente e que o desrespeito à identidade de gênero de pessoas trans não é compatível com a orientação dada aos funcionários do supermercado.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.