Header Ads

Aulas gratuitas de fonoaudiologia na UVA ajudam pessoas trans a ter vida mais confortável


Por NLUCON

Quem é pessoa trans ou travesti, mora no Rio de Janeiro e gostaria de algumas aulas de fonoaudiologia para trabalhar melhor a voz e deixá-la mais confortável para os desafios do cotidiano, pode procurar a Universidade Veiga de Almeida (UVA).

O espaço disponibiliza aulas grátis para quem possui disforia com a voz (não acredita que ela tenha afinidade com a que gostaria de ter), perder a timidez e ter uma vida mais confortável.

Funcionando há um ano, o projeto conta com atendimento individualizado (atendendo as especificidades do corpo e do que a pessoa gostaria) e já beneficiou mais de 30 pessoas. As aulas ocorrem uma vez por semana, com exercícios para praticar em casa e duram em média três meses.

Dentre as beneficiadas está Beatriz Araújo, de 37 anos. Em reportagem da RedeTV!, ela afirmou que frequenta o projeto e já sente as mudanças. “Agora, no telefone, não me chamam mais de senhor. Já me reconhecem como mulher. É uma sensação muito boa. Passei a ser reconhecida da maneira que me faz bem, da forma que escolhi”.

Patrícia Batista frequenta o projeto há um ano e também aponta mudanças positivas. “Uma vez, no ônibus, percebi que o motorista ia passar direto no meu ponto. Podia ter gritado, como todo passageiro, mas fiquei com medo de chamar atenção. Com as aulas, isso tem mudado. Já me sinto mais à vontade para conversar”, declarou.

Vale dizer que o projeto contempla e se refere apenas às pessoas trans que sentem a necessidade de passar pela fonoaudiologia. E que nem toda pessoa trans ou travesti se incomoda com a própria voz ou acredita que ela tenha que se adequar a um padrão de feminilidade ou masculinidade, sobretudo para ser respeitada. 

Para mais informações: tel. 21/2502-3238

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.