Header Ads

Semana da Visibilidade Trans de Aracaju conta com mesas, oficinas e a inauguração da CasAmor


Por NLUCON

A quarta semana da Visibilidade Trans de Aracaju, que inicia nesta segunda-feira (29), terá uma série de atividades, mesas, oficinas e uma inauguração muito importante: a da CasAmor. A realização é da AmoSerTrans com diversas parcerias e apoios.

As atividades começam nesta segunda-feira (29), às 19h, com a inauguração da casa de apoio e acolhimento às pessoas LGBT, CasAmor. O espaço visa contribuir para a cidadania da população LGBT que foi expulsa de casa ou que está sujeita à vulnerabilidade social. A CasAmor fica localizada na Rua I, 214, Inácio Barbosa (quase em frente ao Espaço Emes, esquina com a Portobello Shop).

Na terça-feira (30), haverá a abertura das mesas na UFS, no Auditório Didática V com diversas temáticas referentes à população trans e travesti. Às 10h, ocorre a mesa "Reorientação Sexual: Não há cura para o que não é doença", com Eleonora Vacarezza (CRP), Robeyoncé Lima (PE), Kellen Muniz (UFS) e Sofia Favero.

Às 14h, haverá a mesa "População LGBT em estado de vulnerabilidade social", com Linda Brasil, Daniela Andrade (SP), Shirley Andrade (UFS). Logo após haverá a Oficina "Corpo Transgressor", com Maluh Andrade e Raul Henryck.

Na quarta-feira (31), ocorre a mesa "Despatologização das Identidades Trans". Participam Daniel Lima, Viviane V, Lidiane Drapala (CRP). Às 14h, o tema do debate é Retificação de Nome Civil e Gênero das Pessoas Trans, com Naia Correa, Jéssica Taylor, Liton Farias. Já às 19h, a mesa ocorre no CAA-SE/OAB. Ela aborda a População Carcerária LGBT e tem como palestrantes Marcleya Milander, Mário Leony, Andréa Depieri (UFS) e Tereza Andrade.

Na quinta-feira (1) a programação começa às 9h com a oficina "Ideologia de Gênero: o que você entende?". Ela será feita por Keyla Simpson (BA), Manu Rodrigues (IFS) e Alice Pagan (UFS). Às 14h ocorre a oficina "Atendimento Profissional à população trans", com Eliana Chagas, Moisés Menezes, Alana Vargas. E às 19h haverá Roda de Conversa: Direito reprodutivo da população trans", com Rafael Valentim, Hortência Maia e Geovana Soares. A programação ocorre no Auditório Didática V.

A cerimônia de encerramento ocorre na sexta-feira (02) no Teatro Atheneu. Vão ocorrer apresentações artísticas e homenagem à Ana Hermínia e Vanderléa. As performances ficam por conta da Alana Vargas, Shanty Mazort, Fernanda Bravo, Sasha Fênic, Maluh Andrade, Daniel Lima, Vinny Pereira, Lanna Guimarães, Lu Xodó Calypso, Marcleya Milander, Letícia Paz.

Programe-se e participe!


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.