Header Ads

Pinacoteca do Estado contrata seis pessoas trans do Programa Transcidadania


Por NLUCON

Um dos mais importantes museus do Estado de São Paulo, a Pinacoteca contratou recentemente seis pessoas trans para a sua equipe. As novas funcionárias/os vieram do Programa Transcidadania, que além de levar à população trans de volta às escolas passa a atuar na inserção no mercado formal de trabalho.

A conquista do emprego para travestis, mulheres e homens trans surgiu do trabalho do Departamento de Políticas para LGBT em parceria com o Centro de Cidadania LGBTI Luana Barbosa dos Reis.

Foram ministradas diversas palestras e sensibilizações quanto à temática LGBT aos colaboradores da Pinacoteca. Posteriormente, o tema empregabilidade trans foi abordado e os colaboradores do museu estudaram a possibilidade de inserção de pessoas trans no quadro de funcionários.

A coordenadora do Centro de Cidadania LGBT na Região Norte, Maude Salazar, afirma que a contratação, além de ser de extrema importância para a vida dessas pessoas trans, que "sempre lutaram muito para conseguir o mínimo de respeito, dignidade e visibilidade", evidencia que atualmente "há empresas interessadas em dar oportunidade, respeitar e empoderar essa parcela da sociedade".

O diretor de Políticas para LGBT, Ivan Batista, diz que o programa está fechando diversas parcerias para empregabilidade e formação profissional. "Isso é um grande avanço para a política pública". Parabéns a todas as pessoas envolvidas e bom trabalho!

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.