Header Ads

Primeiro transplante de pênis e escroto do mundo é realizado nos EUA


Por NLUCON

O primeiro transplante de pênis e escroto foi realizado no dia 26 de março na Faculdade de Medicina da Universidade Johns Hopkins, em Baltimore (Maryland), nos Estados Unidos . A informação foi divulgada nessa segunda-feira (23).

Quem se submeteu à cirurgia foi um soldado cisgênero que perdeu os genitais durante missão no Afeganistão. Ele recebeu o pênis, o saco escrotal sem testículos e parte da parede abdominal de um doador falecido. A identidade dele, que dizia não se aceitar antes da cirurgia, não foi revelada.

Nove cirurgiões plásticos e dois cirurgiões urologistas participaram do procedimento chamado alotransplante composto vascularizado (transplante de uma parte ou decido do corpo de uma pessoa a outra). Ele levou 14 horas. Segundo o comunicado, a cirurgia esteve dentro do esperado e o receptor já se recuperou da cirurgia e deve receber alta nessa semana.

“Acreditamos que o transplante permitirá que este jovem recupere as funções miccionais e sexuais quase em sua totalidade”, declarou Wei-Ping Andrew Lee, professor e diretor da Divisão de Cirurgia Plástica e Reparadora da Faculdade de Medicina da Universidade de Johns Hopkins.

Ainda que a cirurgia tenha sido feita em um homem cis, o transplante pode indicar uma possibilidade para os homens trans, caso a técnica seja desenvolvida e a ética médica se sensibilize acerca das demandas de saúde e disforias de parte desta população em relação aos genitais, muito mais que simplesmente daquelas envolvendo homens cis que perderam seus genitais em guerra.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.