Header Ads

Pela primeira vez, Festival PATH contará com 20 monitoras e monitores trans


Por NLUCON

A mais recente edição do Festival PATH – considerado o maior e mais diverso evento de inovação e criatividade do Brasil – contará primeira vez com 20 pessoas trans e travestis trabalhando como monitoras e monitores – remunerados, evidentemente. Ele ocorre nos dias 19 e 20 de maio em Pinheiros, São Paulo.

A iniciativa e parceria é do TransEmpregos. No último ano, a atriz e militante transexual Maite Schneider palestrou no Festival ao lado da jornalista cisgênera Renata Ceribelli falando sobre empregabilidade e desafios. “Conseguimos colocar 10 pessoas trans em startups do Brasil inteiro, só com uma palestra”, declara Maite.

Neste ano, o evento que estima ter 300 palestrantes e milhares de participantes, volta com o painel de empregabilidade falando sobre os casos de sucesso em empresas como Atento, Microsoft e Banco do Brasil, além da monitoria feita por pessoas trans e travestis. Todos os 20 envolvidos passaram por dois treinamentos.

“Este é um momento ímpar, pois os monitores são o cartão de visitas do Festival, ao lado dos palestrantes, e ter pessoas trans na linha de frente e não escondidas, é um grande avanço”, afirma Maite. Ela conta que os currículos de todos serão divulgados para circularem entre os envolvidos no festival e possíveis contratantes.

Haverá a mesa "Quero contratar uma pessoa trans. E agora?", com Maite, Elaine Terceiro, Marcela Bosa e Priscyla Laham.


O Festival Path é de inovação e criatividade criado pelo Panda Criativo para todos que querem inovar a forma de pensar e agir. Palestras, shows, filmes e mais atividades foram a experiência de participar. O credenciamento pode ser feito a partir do dia 18 de maio, das 12h às 20h. Nos dias 19 e 20, poderá ser feito das 8h às 19h. 


Compre o ingresso e saiba a programação do Festival PATH clicando aquiSaiba mais sobre o TransEmpregos e confira vagas aqui

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.